O que você joga fora?

Eis que nós tudo deixamos e te seguimos. Mateus 19.27
É possível conhecer alguém ou uma sociedade por meio daquilo que eles abandonam, jogam fora.
Abandonar quer dizer deixar de lado, afastar-se de um lugar onde ele deveria estar, desamparar uma ou mais pessoas com as quais se tem obrigações materiais ou morais. Pode ser abandono de herança, abandono do lar, abandono da família, menores abandonados, abandono de emprego.
Mas nem sempre o homem abandona — joga fora — o que deveria deixar de lado para sempre. Por exemplo, Paulo se queixa de Demas, outrora seu colaborador (Fm 1.24), que abandonou a fé e os irmãos em troca do presente século (2Tm 4.10).
O salmista se apresenta indignado “por causa dos pecadores que abandonaram a lei do Senhor” (Sl 119.53). João nos conta que muitos dos discípulos de Jesus o abandonaram, e já não andavam com ele (Jo 6.66). E o autor da carta aos Hebreus faz exortações como estas: “Não abandoneis a vossa confiança” (Hb 10.25) e “Não deixemos de congregar-nos, como é costume de alguns” (Hb 10.35).
Mas há também exemplos positivos.
A mulher samaritana deixou o seu cântaro junto à fonte de Jacó e foi à cidade anunciar a presença de Jesus. E ao contrário daqueles que deixaram de andar com Jesus, Pedro declarou: “Eis que nós tudo deixamos e te seguimos” (Mt 19.27).
Tome cuidado com o que você joga fora, mas não deveria, e com o que você não joga, mas deveria. Tal atitude vai revelar o seu caráter e o grau de intensidade da sua vida cristã.
Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

w

Connecting to %s